Vice de futebol do Fluminense é desligado do cargo após áudio vazado

Vice de futebol do Fluminense é desligado do cargo após áudio vazado

Vice de futebol do Fluminense é desligado do cargo após áudio vazado

 

Fernando Veiga não é mais dirigente do clube tricolor. Decisão foi tomada pelo presidente Pedro Abad. Grupos políticos pediam troca dada a má fase no Brasileirão.

Um dia depois de ter um áudio vazado, em que o ex-dirigente expõe a situação financeira do clube. No áudio, Veiga diz que clube tem receita de time pequeno.

Veiga foi comunicado da decisão na madrugada desta quarta. Ela ocorreu após uma reunião de Abad com a Flusócio, grupo político do presidente. O mandatário, aliás, vai acumular a função de vice de futebol, medida adotada por Peter Siemsen em 2013.

O grupo político Base chegou a indicar Ricardo Tenório, que concorreu como vice na chapa de Mário Bittencourt na última eleição, para o cargo.

Confira a nota oficial do Fluminense:

O Fluminense Football Club informa que Fernando Veiga não é mais o vice-presidente de futebol. O clube agradece pelos serviços prestados. Enquanto um novo nome não é definido para a pasta, o presidente Pedro Abad acumula o cargo.

Deixe um comentário

Your email address will not be published.