Grêmio libera Edílson para negociar com o Cruzeiro

Grêmio libera Edílson para negociar com o Cruzeiro

Compartilhar é se importar!

Grêmio libera Edílson para negociar com o Cruzeiro

Grêmio libera Edílson para negociar com o Cruzeiro. O mercado da bola não para. Dessa vez, o Cruzeiro mira o lateral direito Edílson. O jogador foi liberado para negociar com o Cruzeiro.

Grêmio liberou o lateral direito Edílson, de 31 anos, para negociar com o Cruzeiro. A informação foi apurada pelo GloboEsporte.comcom uma pessoa que está intermediando a negociação em Porto Alegre. A diretoria da Raposa tem uma reunião marcada com os representantes do jogador para acertar a situação. Edílson apareceu como “plano B” para a lateral do time celeste – o plano A era Rafinha, do Bayern de Munique, da Alemanha, que ainda não definiu o futuro. Edílson terminou a temporada como titular do time de Renato Gaúcho, vice-campeão mundial.

Contrato

O lateral tem contrato vigente com o Grêmio – com validade de mais um ano e meio. Procurado, o clube gaúcho informou que não impede ninguém de conversar, mas disse que não foi contatado. Se alguém quiser tirar o jogador, o Grêmio deseja que paguem a multa de 8 milhões de dólares (R$ 26,32 milhões, aproximadamente).

No atual elenco, a Raposa tem Ezequiel e Lennon para a posição. O primeiro é o titular e conviveu com alguns problemas físicos em 2017. Tecnicamente, fez uma temporada regular. O segundo não agradou e teve pouquíssimas chances, tanto que, na ausência de Ezequiel, quem mais jogou na direita foi o volante Lucas Romero, improvisado.

O paranaense Edílson é experiente e tem passagens por grandes clubes brasileiros. Começou a carreira no Avaí, em 2004, e defendeu também Ponte Preta, Atlético-PR, Botafogo e Corinthians, além, claro, do Grêmio. Em Belo Horizonte, teve um passagem apagada pelo Atlético-MG, em 2005.

Foi no Grêmio onde Edílson conquistou mais títulos de expressão – Copa do Brasil 2016 e Libertadores 2017. Antes, no Corinthians, havia sido campeão brasileiro (2015). O restante do currículo de títulos é preenchido com títulos estaduais.

Compartilhar é se importar!

Deixe um comentário

Your email address will not be published.