Ponte Preta respira fora da zona da degola

Ponte Preta respira fora da zona da degola

Ponte Preta respira fora da zona da degola

 

Depois de quatro jogos tem vitória no Campeonato Brasileiro, a Macaca querida sai momentaneamente da zona. Agora, equipe de Eduardo Baptista respira fora da zona de rebaixamento. Com garra, experiência e grande presença da torcida pontepretana, a Macaca venceu por 1 a 0 o Flamengo nesta quarta-feira, no Moisés Lucarelli, pela 26ª rodada do Brasileiro. Jean Patrick marcou o gol. Não triunfava há quatro rodadas na competição.

Com marcação forte e adiantada, a Ponte Preta cresceu no segundo tempo e, após abrir o placar com Jean, soube amarrar o jogo. Eduardo Batista soube substituir quando viu seus volantes amarelados, enquanto Reinaldo Rueda demorou a mexer demais.

O primeiro tempo foi muito ruim no Moisés Lucarelli, com apenas duas chances reais, uma para cada lado. No início, Sheik cruzou, e Lucca cabeceia para fora. Também com uma testada, porém muito mais livre do que o pontepretano, Arão desperdiçou lançamento perfeito de Renê. E foi só.

O segundo tempo também não foi rico em lances de emoção. Paquetá, com bastante liberdade, perdeu a única chance cristalina do Flamengo. A Ponte conseguiu a vitória numa bela jogada. Nino Paraíba virou o jogo, Wendel ajeitou, e Jean Patrick pegou de prima. A bola desviou em Réver e entrou.

Antes do gol, no primeiro minuto, Diego Alves já havia parado Lucca com grande defesa em cobrança de falta. Após Jean balançar a rede, os dois se reencontraram aos 20, em pênalti. Diego se adiantou e pegou sua primeira penalidade no Flamengo.

 

Deixe um comentário

Your email address will not be published.